Época de Coronavírus: Como as empresas do setor elétrico estão se comportando?

Por Kamila Rodrigues

Diante ao cenário atual da pandemia do novo Coronavírus (COVID-19), muitos serviços foram suspensos, para garantir o isolamento social, contudo alguns serviços são essenciais e devem se manter em funcionamento, como o setor elétrico. Com isso as empresas vêm tomando algumas medidas para evitar a proliferação do COVID-19 e proteger seus funcionários, um bom exemplo é a empresa Energisa Sergipe (ESE), a qual está disponibilizando recipientes com álcool em gel em todas as áreas operacionais, administrativas e agências de atendimento da capital e do interior, restrição do acesso ao Centro de Operações para colaboradores lotados no setor, realização de Diálogos Diários de Segurança com as equipes, disseminação de material gráfico e boletins informativos com instruções sobre os sintomas do COVID-19, suspensão temporária da participação, realização de eventos, viagens nacionais e internacionais.

A Energisa também vem emitindo alerta frequentes sobre as formas de prevenção, a exemplo de lavar corretamente as mãos, cobrir nariz e boca ao espirrar ou tossir, evitar cumprimentos com aperto de mão, abraço ou beijo no rosto, usar lenços descartáveis para higiene nasal, não compartilhar objetos de uso pessoal e manter os ambientes bem ventilados.

A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) anunciou a suspensão temporária da participação presencial em todos os eventos, reuniões e cursos de capacitação durante o mês de março.

O Grupo Cosan, controlador da Compass Gás e Energia, disse que toda atenção está voltada para os impactos gerados pela pandemia do COVID-19. Planos de contingência desenvolvidos nas últimas semanas estão sendo implementados.

A EDP Brasil anunciou que está adotando medidas de monitoramento e prevenção para proteger os seus colaboradores e as comunidades onde a empresa atua. “Perante a previsível disseminação do vírus no Brasil e as implicações para a operação da companhia, a EDP acionou de imediato o seu Comitê de Crise, que ficou responsável pelo Planejamento de Contingência para lidar com a presente situação. Os objetivos principais da companhia, neste contexto, são minimizar o risco para os mais de 3,3 mil colaboradores da EDP e a manutenção da continuidade de negócios, em especial a prestação dos serviços de geração, transmissão e distribuição de energia pelas empresas do grupo”, diz o comunicado divulgado pela companhia.

Segundo a EDP, todas as viagens internacionais foram canceladas e os colaboradores do escritório de São Paulo começaram a trabalhar em casa a partir desta segunda-feira, 16. Um esquema de rodízio preventivo entrará em vigor os escritórios do Espírito Santos e Porto Alegre.

A Neoenergia pediu que os seus clientes das suas distribuidoras (Coelba, Celpe, Cosern e Elektro) priorizem o uso dos canais digitais de atendimento para se informar sobre a prestação de serviços e atendimentos emergenciais. “É importante lembrar que prestamos um serviço essencial para a população e temos um papel fundamental neste momento. Confio na responsabilidade de cada um dos nossos colaboradores para o cumprimento das medidas adotadas para evitar a disseminação do Covid-19 e para manter os serviços que prestamos para milhões de cidadãos brasileiros”, afirmou o CEO da Neoenergia, Mario Ruiz-Tagle, em nota à imprensa.

A Neoenergia também adotou medidas internas, como restrições de visitas de prestadores de serviço e fornecedores, suspensão de eventos internos e externos, bem como quarentena para os profissionais que retornaram de viagem no exterior.

Em geral, pode-se perceber que as empresas do setor elétrico vêm tomando as seguintes medidas: contingência de funcionários e trabalho home office, quando possível, suspensão de viagens internacionais e nacionais, suspensão de reuniões e eventos presenciais, priorização de atendimento não presencial, divulgação das medidas de prevenção do COVID-19 e alerta aos funcionários sobre os principais sintomas do CONVID-19.

Referência:

(1) Site G1 por Energisa Sergipe. Medidas contra o coronavírus são adotadas por empresas do setor elétrico. Acesso em: 23 março 2020. Disponível em: <https://g1.globo.com/se/sergipe/especial-publicitario/energisa/noticia/2020/03/19/medidas-contra-o-coronavirus-sao-adotadas-por-empresas-do-setor-eletrico.ghtml>.

(2) Site Canal Energia. Elétricas anunciam ações para enfrentar pandemia de coronavírus. Acesso em: 23 março 2020. Disponível em:<https://canalenergia.com.br/noticias/53129491/eletricas-anunciam-acoes-para-enfrentar-pandemia-de-coronavirus>.

Leave a Comment